Como comentar aqui:

Se você não tem conta no Google ou no Blogger, vá em "comentar como" e preencha seu nome, não precisa de URL (pode ficar em branco). Depois é só "postar comentário".
bjs

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

O Zelaya e a caravana passa


Eu não tive tempo de esquadrinhar como gostaria e como seria mais ajuizado antes de escrever o que tem por trás dessa história do Zelaya na nossa embaixada. Mas pelo pouco que eu apurei, (tô cheia de trabalho, mas não queria deixar passar essa) o cara não foi exatamente deposto por um golpe como querem que a gente ache. Ele aprontou, tentou forjar uma eleição que lhe garantisse "vidas infinitas" no poder e foi conduzido porta a fora com o apoio popular e público da maioria, e agora estamos com esse abacaxi em território nacional...
Vá lá que os militares (grande novidade) pegaram pesado expulsando um cara que poderia estar respondendo pelas bobagens que fez, mas isso não tira a legitimidade da deposição.
O cara tá com a chave da NOSSA embaixada, onde concede entrevistas e recebe quem bem entende.
Esse jeitinho low profile do Lula nunca me incomodou tanto.
Incomoda e dá medo.

Desperta, America do Sul!!!
beijos, gente.

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Da série: a Elaine é muuuuuito estúpida


Quando saiu o último Harry Potter, eu recebi (um mês antes do lançamento) da Rocco uma edição especial para jornalistas com a capa em branco e um termo de confidenciabilidade no meu nome. Super bacana.
Daí, um tempo depois, alguém veio aqui em casa e me pediu o livro emprestado.
Eu lembro perfeitamente de ter dito que ele era super especial, pra pessoa cuidar e devolver direitinho.
Adivinha?
Não só a pessoa não devolveu, como eu esqueci completamente quem foi...
Eu mereço.